TAGUSVALLEY promove workshop dedicado ao sector das leguminosas

Valorizar uma matéria-prima e recurso endógeno dos territórios nacionais para promover o seu desenvolvimento económico e estimular a inovação é o objectivo da iniciativa que a TAGUSVALLEY vai organizar no próximo dia 29 de Junho, no workshop dedicado ao sector das leguminosas “Desafios e oportunidades para a fileira das leguminosas” e onde se espera promover a reflexão sobre o tema e estimular o sector para o potencial que este pode encerrar.

Em simultâneo, a iniciativa servirá também para enquadrar a apresentação de um conjunto de produtos que a equipa técnica do INOVLINEA desenvolveu, nomeadamente, uns em particular, à base de grão-de-bico, alfarroba e chícharo, que «acabam por ilustrar formas de valorização destas matéria-prima tão presentes nos nossos territórios de interior e que respondem às actuais tendências de mercado mundiais».

Para tal, organizou-se um programa que pretende enquadrar as oportunidades e tendências de mercado nos produtos plant based com o CoLab4Food, seguida de uma intervenção da Escola Superior Agrária do Politécnico de Santarém onde se vai procurar contextualizar a produção agrícola de leguminosas em Portugal, para depois se ilustrar como a diversificação da actividade nas explorações agrícolas pode ser importante para a sua sustentabilidade e o papel que os recursos endógenos também podem assumir no desenvolvimento de um território, com intervenções da EGOCULTUM e da MINHA TERRA – desenvolvimento local, culminando estas intervenções com uma mesa redonda entre os convidados e os participantes para aprofundar o tema e lançar o debate sobre as oportunidades que as leguminosas podem aportar aos nossos territórios rurais.

Programa

14:00    – Acolhimento

14:30    – Recepção/boas-vindas (apresentação do projecto)

14:45    – Oportunidades e tendências de mercado nos produtos plant based – Ana Sousa – CoLab4Food

15:15    – A produção de leguminosas em Portugal, Artur Amaral – IP Santarém – ESA

15:25    – Diversificação na actividade agrícola: José Azoia – EGOCULTUM

15:35    – Recursos endógenos e valorização dos territórios – MINHA TERRA

15:45    – Mesa Redonda

16:30    – Prova de produtos WINBIO (visita ao INOV.LINEA e networking)

17:30    – Encerramento

A TAGUSVALLEY é um parque de ciência e tecnologia situado em Abrantes, onde na sua unidade de investigação aplicada dedicada ao sector alimentar se têm vindo a concretizar diversas iniciativa dedicadas ao desenvolvimento de novos produtos e utilização de tecnologias emergentes em processos e conservação de alimentos, sendo os produtos de base vegetal uma das suas principais linhas de actuação.

O projecto WINBIO, no qual se integra esta actividade da TAGUSVALLEY, é um projecto SIAC de transferência de conhecimento científico e tecnológico, e foi financiado pelo Portugal 2020, no âmbito do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização, no montante de investimento elegível global de 762.320 euros, dos quais 647.972 euros são provenientes do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, numa parceria entre a BLC3, CECoLab, CATAA, CoLab4Sustainability, CEBAL e TAGUSVALLEY.

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Email

Notícias Recentes

Agenda1
CNCACSA apresenta Agenda de Investigação e Inovação
IMG_1923a
Evento Inovagro Jovem a 21 de Dezembro em Castro Verde
posts flf (77)
Situação Atual

Notícias relacionadas

Agenda1
CNCACSA apresenta Agenda de Investigação e Inovação
O Centro Nacional de Competências para as Alterações Climáticas do Sector Agroflorestal...
IMG_1923a
Evento Inovagro Jovem a 21 de Dezembro em Castro Verde
Decorre na manhã do dia 21 de Dezembro, em Castro Verde, o evento “Inovagro...
posts flf (77)
Situação Atual
Desde que a Plastdiversity Lda, empresa ligada ao setor plástico decidiu apostar...
nuncio
Regantes apresentam soluções para a escassez de água no Algarve
As XIV Jornadas Fenareg – Encontro do Regadio 2023 decorreram em Alcantarilha,...