Oídio na cultura da vinha : O oídio da videira é causado pelo fungoerysiphe necato

A produção agrícola é vulnerável a diferentes pragas e doenças e a maioria delas está relacionada com doenças patogénicas de origem fúngica. Os fungicidas são usados há mais de 200 anos para proteger as plantas contra doenças causadas pelo ataque de fungos, continuando a ser vitais para o controle eficaz das doenças das plantas, que causam reduções de rendimento de quase 20% nas principais culturas alimentares e comerciais em todo o mundo.

Erysiphe necator (sin. Uncinula necator), é o agente causal do oídio da vinha, uma das doenças economicamente mais importantes no mercado global de proteção de plantas. Apesar da sua importância económica, o estudo de populações de E. necator é notoriamente difícil, devido à natureza biotrófica obrigatória do patógeno, bem como à estrutura genética bastante complexa das suas populações.

Leia aqui o artigo completo da Ascenza publicado na nossa edição de Junho.

*conteúdo patrocinado

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Email

Notícias Recentes

José Manuel Fernandes
José Manuel Fernandes é ministro da Agricultura e Pesca do XXIV Governo Constitucional
3b
Santarém recebe III Colóquio sobre o Uso Sustentável dos Pesticidas a 24 de Maio
Alqueva
EDIA disponibiliza Anuário Agrícola de Alqueva de 2023

Notícias relacionadas

José Manuel Fernandes
José Manuel Fernandes é ministro da Agricultura e Pesca do XXIV Governo Constitucional
O até agora eurodeputado José Manuel Ferreira Fernandes é o nome proposto para...
3b
Santarém recebe III Colóquio sobre o Uso Sustentável dos Pesticidas a 24 de Maio
A Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Santarém (ESAS) vai ser...
Alqueva
EDIA disponibiliza Anuário Agrícola de Alqueva de 2023
A Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas de Alqueva (EDIA) disponibilizou...
4a
Grow Field Days promove visitas de campo com foco no microbioma do solo
No âmbito da iniciativa “Grow Field Days”, com o mote “De agricultor para agricultor!”,...