Coimbra recebe VIII Jornadas Ibéricas de Horticultura Ornamental a 12 e 13 de Outubro

A Escola Superior Agrária de Coimbra (ESAC), do Instituto Politécnico de Coimbra, acolhe, a 12 e 13 de Outubro, em Coimbra, a oitava edição das “Jornadas Ibéricas de Horticultura Ornamental”. Este evento é organizado pela Associação Portuguesa de Horticultura (APH), em parceria com a ESAC e com a Sociedade Espanhola de Ciências Hortícolas, e tem o apoio da Associação Portuguesa de Produtores de Plantas e Flores Naturais (APPPFN) e da Associação Portuguesa das Camélias.

O programa das Jornadas para o dia 12 de Outubro inclui duas sessões temáticas – “Biodiversidade, conservação de germoplasma e biotecnologia”; “Meio ambiente e cultivo” –, realizadas durante a manhã, enquanto que da parte da tarde estão previstas visitas técnicas a duas empresas: MariFlores, produtora de ericas e azáleas, situada em Mira; Planalto das Agras, especialista na produção de antúrios e de kiwi, localizada em Vagos. No dia 13, vão decorrer duas palestras durante a manhã – “Desafios para a gestão das doenças e pragas das plantas ornamentais – conhecer, prevenir, seleccionar, registar!” e “O impacto e os benefícios da certificação no cultivo de plantas ornamentais em Portugal” –, enquanto que da parte da tarde terá lugar uma mesa-redonda sobre “Gestão de espaços urbanos, paisagísticos e turísticos”.

Segundo a organização, «a produção de flores e plantas ornamentais vale 600 milhões de euros e gera 5.000 postos de trabalho em Portugal», sendo também realçado que, «apesar do crescimento da procura com a pandemia, o país tem um dos consumos per capita de flores e plantas mais baixos da Europa e enfrenta múltiplos desafios para se manter competitivo, desde a falta de água e as alterações climáticas, à escassez de mão de obra especializada, ao aumento dos custos de produção». A organização afirma também que este evento visa «promover a partilha do conhecimento, ampliando a comunicação entre especialistas, investigadores, estudantes, produtores nacionais e internacionais na área das flores e plantas ornamentais», bem como «contribuir para o desenvolvimento de estratégias que promovam a aplicação de boas práticas ambientais, tendo em vista a optimização das explorações e a sua sustentabilidade».

Pode consultar o programa das “VIII Jornadas Ibéricas de Horticultura Ornamental” e obter mais informações no site do evento.

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Email

Notícias Recentes

José Manuel Fernandes
José Manuel Fernandes é ministro da Agricultura e Pesca do XXIV Governo Constitucional
3b
Santarém recebe III Colóquio sobre o Uso Sustentável dos Pesticidas a 24 de Maio
Alqueva
EDIA disponibiliza Anuário Agrícola de Alqueva de 2023

Notícias relacionadas

José Manuel Fernandes
José Manuel Fernandes é ministro da Agricultura e Pesca do XXIV Governo Constitucional
O até agora eurodeputado José Manuel Ferreira Fernandes é o nome proposto para...
3b
Santarém recebe III Colóquio sobre o Uso Sustentável dos Pesticidas a 24 de Maio
A Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Santarém (ESAS) vai ser...
Alqueva
EDIA disponibiliza Anuário Agrícola de Alqueva de 2023
A Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas de Alqueva (EDIA) disponibilizou...
4a
Grow Field Days promove visitas de campo com foco no microbioma do solo
No âmbito da iniciativa “Grow Field Days”, com o mote “De agricultor para agricultor!”,...