«Nunca tivemos um programa de melhoramento para a fruticultura»

Rui Maia de Sousa entrou em 1986 para a Estação Nacional de Fruticultura Vieira Natividade – actual Pólo de Fruticultura do Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária (INIAV) –, em Alcobaça, onde tem trabalhado em várias áreas e com diferentes funções e do qual é coordenador desde 2008. Em entrevista, fala sobre a fruticultura, sobre a investigação nessa área e sobre a actividade do Pólo, que diz estar agora numa «fase positiva».

Consulte aqui a entrevista completa!

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Email

Notícias Recentes

Alqueva
EDIA disponibiliza Anuário Agrícola de Alqueva de 2023
4a
Grow Field Days promove visitas de campo com foco no microbioma do solo
fig-972271_1280
Workshop “Figos para o Futuro: capacitar os pequenos produtores através do desenvolvimento de novos modelos de negócio”

Notícias relacionadas

Alqueva
EDIA disponibiliza Anuário Agrícola de Alqueva de 2023
A Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas de Alqueva (EDIA) disponibilizou...
4a
Grow Field Days promove visitas de campo com foco no microbioma do solo
No âmbito da iniciativa “Grow Field Days”, com o mote “De agricultor para agricultor!”,...
fig-972271_1280
Workshop “Figos para o Futuro: capacitar os pequenos produtores através do desenvolvimento de novos modelos de negócio”
O projecto InovFarmer.MED apresenta o seu primeiro workshop, focado na cadeia...
FLF 250_entrevista_porbatata
«Tem de haver uma maior partilha de risco»
As perpespectivas para a campanha, os problemas com a batata de semente e o...