Indústria 4.0 deverá atingir o valor de 258.000 M€ até 2028

Em 2023 surgiram novas tecnologias, que moldaram o panorama industrial.  De acordo com a ESI Robotics, empresa portuguesa de soluções de robótica e automação industrial, ao longo de 2024 a indústria vai continuar a testemunhar transformações impactantes em várias áreas.

Segundo a Emergen Research, o mercado global da Indústria 4.0 deverá atingir um valor de 258 mil milhões de euros até 2028, com uma robusta taxa composta de crescimento anual de 16,3%.

No que toca às áreas tecnológicas, estas serão as grandes tendências em 2024:

  1. Inteligência Artificial (IA) em ascensão tanto para as empresas como para os consumidores

A IA marcou 2023, alcançando popularidade muito além da indústria e dos setores tecnológicos. Segundo o estudo “2024 Consumer Trends” da Eutomonitor Internacional, as ferramentas de IA generativa fazem parte do dia a dia dos consumidores, sendo que em 2023, 72% dos consumidores utilizaram-na para melhorar a sua vida. Se a IA tem um papel significativo na vida dos consumidores, é fundamental que as indústrias tirem partido desta tecnologia, que é a grande impulsionadora da transformação digital. A IA será fundamental para aprimorar a manutenção preditiva. O surgimento de algoritmos cada vez mais avançados vai permitir analisar grandes e complexos volumes de dados em tempo real e de uma forma nunca vista.

  1. A automação e Robótica Avançada vão revolucionar os processos de produção

Em 2024, a robótica terá um papel transformador, que irá muito além da indústria, uma vez que a sua aplicação vai desde a saúde até ao atendimento ao cliente. O desenvolvimento destas tecnologias vai tornar os processos mais eficientes e seguros. A automação inteligente, impulsionada pela IA e Machine Learning (ML), estará no centro das operações industriais. Robôs colaborativos e industriais continuarão a ser utilizados de forma autónoma para executar tarefas repetitivas e perigosas, aumentando a eficiência e reduzindo os riscos para os trabalhadores.

  1. A Realidade Aumentada (RA) e a Realidade Virtual (RV) vão contribuir para a formação dos colaboradores

A Realidade Aumentada (RA) e a Realidade Virtual (RV) ganharão ainda mais popularidade à medida que se tornam mais acessíveis e disponíveis para diferentes aplicações. A formação de colaboradores será revolucionada por estas tecnologias, pois permitem criar ambientes virtuais onde os colaboradores podem simular tarefas complexas e interagir com máquinas e equipamentos de forma mais segura. Além disso, o grande impacto destas tecnologias será registado na manutenção industrial, facilitando diagnósticos rápidos, orientações para reparações e reduzirá significativamente o tempo de inatividade das máquinas e equipamentos. 

  1. Big Data será uma peça-chave para tomar decisões estratégicas e aprimorar o desempenho de diversos setores

A análise de grandes e complexos volumes de dados revelará padrões e tendências que vão impulsionar o crescimento das empresas, colocando-as na vanguarda da competição e da inovação.

  1. A Internet Industrial das Coisas (IIoT) vai continuar a crescer e otimizar processos de produção

A conectividade entre dispositivos industriais continuará a crescer como já foi registado nos últimos anos. Numa fábrica inteligente, todas as máquinas, sensores e sistemas estão conectados e constantemente a gerar dados que, quando analisados corretamente, podem revelar padrões e tendências valiosos, otimizando processos de produção, melhorando a manutenção preditiva e permitindo uma gestão mais eficiente da produção. A adoção de IIoT será fundamental para a transformação digital das indústrias.

  1. A Personalização Avançada com Fabrico Digital e Aditivo vai contribuir para a produção de peças complexas e de grande escala

A impressão 3D e outras formas de fabrico digital e aditivo serão ainda mais relevantes ao longo deste ano. Estas tecnologias são capazes de revolucionar a produção, uma vez que permitem a produção de peças complexas e de grande escala com maior rapidez, eficiência e personalização. Isto não só reduzirá os desperdícios de material, como também pode acelerar os ciclos de produção.

  1. O 5G vai continuar a proporcionar a rapidez da conectividade

Para permitir a utilização de todas estas tecnologias, a utilização de 5G na indústria será também uma tendência em 2024. Isto proporcionará uma conectividade ultrarrápida, permitindo a implementação de sistemas de comunicação mais eficientes e melhorando a comunicação entre máquinas.

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Email

Notícias Recentes

IMG_7767
Governo anunciou pacote de medidas para agricultores no valor de quase 440 M€
FLF 248_entrevista confagri
«A renovação geracional é um tema prioritário para o sector agrícola»
1
Publicadas novas regras para ajuda à distribuição de hortofrutícolas e leite nas escolas

Notícias relacionadas

IMG_7767
Governo anunciou pacote de medidas para agricultores no valor de quase 440 M€
A ministra da Agricultura e da Alimentação, Maria do Céu Antunes, e o ministro...
FLF 248_entrevista confagri
«A renovação geracional é um tema prioritário para o sector agrícola»
Formado em Engenharia e Gestão Industrial e com MBA em Gestão, Nuno Serra esteve,...
1
Publicadas novas regras para ajuda à distribuição de hortofrutícolas e leite nas escolas
Foi publicada hoje, 1 de Fevereiro, em Diário da República, a Portaria n.º 37/2024,...
424897282_1476718046378585_8882243718439190287_n
Manifestações de agricultores em vários pontos do país
Estão em curso hoje, 1 de Fevereiro, várias manifestações de agricultores em...