CAP realiza tour de promoção do vinho português na Ásia

A Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP) organizou uma ronda de acções de promoção do vinho português no continente asiático, que conta com 13 produtores nacionais e que abrange três mercados – Taiwan, Malásia e Hong Kong –, dando continuidade a tours similares organizados pela entidade. A primeira acção de promoção teve início a 21 de Maio, em Taiwan, com a CAP a referir que este país «superou novamente as expectativas» e que Taiwan «espelha exemplarmente o potencial do mercado asiático que, apesar de trabalhoso e complexo, pode, já no curto prazo, assumir-se como uma geografia com um enorme contributo para o crescimento das exportações do sector».

A Malásia foi uma novidade no roteiro da CAP pelo continente asiático, com a entidade a classificar a estreia como «bastante promissora». A entidade salienta que «neste país, com cerca de 32 milhões de habitantes e um interesse crescente pelos vinhos de Portugal, já se encontram várias referências nacionais na restauração – um sinal inequívoco da apetência crescente deste mercado pelos vinhos portugueses» –, acrescentando que «todas as iniciativas de promoção foram bastante concorridas e traduziram-se, em vários casos, em negócios fechados para os produtores que integram a comitiva».

O tour pela Ásia finda no dia 6 de Junho, em Hong Kong, onde o grupo de produtores participou no certame Vinexpo Asia – uma feira que «acolhe importadores de todo o continente asiático e milhares de visitantes de todo o mundo, assumindo-se como um ponto central da estratégia de prospecção de novos mercados pelos produtores portugueses», diz a CAP –, seguindo-se outras. Segundo a entidade, «o balanço final não poderia ser melhor: masterclasses e jantares vínicos esgotados, provas de vinhos com bastante adesão, muitos negócios concretizados e presença na mais importante feira do sector naquela região».

Participaram nesta ronda de acções de promoção os produtores Abegoaria, Adega Cooperativa da Vermelha, Adega Cooperativa de Favaios, Barcos Wines, Casa Ermelinda Freitas, Casa Relvas, Casa Santos Lima, Caves da Montanha, Quinta das Arcas, Quinta de São Sebastião, Quinta do Cardo, Santos & Seixo Wine e Vercoope. A CAP fala num balanço «extremamente positivo» do regresso às acções de promoção do vinho português no continente asiático, mencionando que «se fecharam negócios» e que «se fizeram ouvir muitos brindes ao futuro».

Está prevista uma nova ronda de acções de promoção dos vinhos de Portugal no continente asiático no fim de 2024, envolvendo Filipinas, Vietname, Tailândia e Índia.

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Email

Notícias Recentes

3a
I Congresso CropLife Portugal decorre a 20 de Junho em Lisboa
IMG_20240528_111714
CAP realiza tour de promoção do vinho português na Ásia
nova
Workshop em Montemor-o-Novo a 7 de Junho sobre melhoramento da videira

Notícias relacionadas

3a
I Congresso CropLife Portugal decorre a 20 de Junho em Lisboa
No dia 20 de Junho, das 9h00 às 16h00, decorre no Auditório da Abreu Advogados,...
nova
Workshop em Montemor-o-Novo a 7 de Junho sobre melhoramento da videira
No dia 7 de Junho, a partir das 9h00, o Teatro Curvo-Semedo, em Montemor-o-Novo,...
Estenfiliose
DGAV publica caderno técnico sobre a estenfiliose da pereira
A Direcção Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV) divulgou recentemente o...
2
FNA: Seminário do COTHN a 13 de Junho apresenta resultados de projectos PRR
A Sala Tejo do CNEMA, em Santarém, acolhe no dia 13 de Junho, entre as 14h30...