X Olivum Talks divulgam dados e promovem debate sobre o sector olivícola

As instalações do Nerbe/Aebal – Associação Empresarial do Baixo Alentejo e Litoral, em Beja, receberam a 5 de Dezembro a décima edição das Olivum Talks, evento anual dedicado ao sector nacional do azeite organizado pela Olivum – Associação de Olivicultores e Lagares de Portugal e que contou com mais de 220 participantes. Esta edição, cujo programa completo pode consultar mais abaixo, contou com dois painéis (“Água e olival – Desafios e estratégias” e “Economia e azeite – Valorização e tendências”) e com a actualização dos dados do estudo “Alentejo a liderar a olivicultura internacional”, encomendado pela Olivum.

No âmbito deste evento, a Olivum refere uma estimativa de que a produção nacional de azeite em 2023 seja entre 150.000 a 160.000 toneladas e de que Portugal «poderá vir a atingir uma produção entre 250.000 a 300.000 toneladas» no futuro. Segundo Pedro Lopes, presidente da Olivum, «o facto de ainda estarmos em processo de crescimento e reconversão das culturas tradicionais para culturas em sebe, faz com que a produção ainda não esteja em pleno, mas esperamos consegui-lo no prazo de quatro a cinco anos».

A associação afirma também que «Portugal reúne todas as condições para se tornar num dos três maiores produtores de azeite a nível global». Juan Vilar, um dos especialistas presentes no evento, realçou que «o peso do azeite virgem extra é particularmente significativo em Portugal, devido à elevada percentagem de olivais modernos e mecanizados, e também à grande evolução dos lagares de azeite, com o maior parque industrial moderno e de grande capacidade a nível mundial», acrescentando que, na última campanha, «o olival português foi o que teve maior produtividade em todo o planeta, superando o olival espanhol».

A Olivum realça que no estudo foi destacado «o notável crescimento da exportação de azeite nos últimos 20 anos»: «a exportação aumentou 12 vezes em volume e 18 vezes em valor», disse Pedro Santos, director geral da Consulai, uma das empresas responsáveis pelo estudo. «Este desempenho contribuiu significativamente para a economia nacional, representando um saldo positivo de 515 milhões de euros na balança comercial, destacando o azeite como um dos principais motores económicos do país que, pela primeira vez, ultrapassou os valores de exportação do vinho», sublinha a Olivum.

A décima edição das Olivum Talks foi também ocasião para celebrar o décimo aniversário da Olivum e para realizar uma homenagem a Armando Sevinate Pinto, primeiro presidente da Assembleia Geral da Olivum, «cujo contributo foi incontornável para o crescimento e desenvolvimento do sector na região do Baixo Alentejo», assinala a associação. O evento contou também com a participação do ministro da Economia e do Mar, António Costa e Silva.

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Email

Notícias Recentes

José Manuel Fernandes
José Manuel Fernandes é ministro da Agricultura e Pesca do XXIV Governo Constitucional
3b
Santarém recebe III Colóquio sobre o Uso Sustentável dos Pesticidas a 24 de Maio
Alqueva
EDIA disponibiliza Anuário Agrícola de Alqueva de 2023

Notícias relacionadas

José Manuel Fernandes
José Manuel Fernandes é ministro da Agricultura e Pesca do XXIV Governo Constitucional
O até agora eurodeputado José Manuel Ferreira Fernandes é o nome proposto para...
3b
Santarém recebe III Colóquio sobre o Uso Sustentável dos Pesticidas a 24 de Maio
A Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Santarém (ESAS) vai ser...
Alqueva
EDIA disponibiliza Anuário Agrícola de Alqueva de 2023
A Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas de Alqueva (EDIA) disponibilizou...
4a
Grow Field Days promove visitas de campo com foco no microbioma do solo
No âmbito da iniciativa “Grow Field Days”, com o mote “De agricultor para agricultor!”,...