Governo quer criar ‘mercados locais’ para acabar com desperdício alimentar

O Ministério da Agricultura promete aprovar, até ao final do ano, uma lei que vai permitir criar mercados onde apenas os produtores podem vender. A promessa surge no dia em que dezenas de entidades, públicas e privadas, assinam ‘guião’ para diminuir o desperdício alimentar.

São os chamados ‘mercados locais’, com regras menos rigorosas, com menos burocracia e onde podem ser escoados produtos de pior qualidade ou aspeto que não chegariam aos supermercados ou mercados habituais.

O Ministério da Agricultura diz que não faz sentido existir um milhão de toneladas de alimentos desperdiçado todos os anos.

O decreto-lei para avançar com os ‘mercados locais’ está praticamente pronto e deve ser publicado até ao final do ano.

O presidente da Associação de Desenvolvimento das Terras Altas do Homem, Cávado e Ave, Mota Alves, explica à TSF que as novas regras podem, não só, evitar muito desperdício alimentar mas também evitar o abandono de muitas terras.

 

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Notícias Recentes

Portugal Fresh
Portugal Fresh elege órgãos sociais para o triénio 2024-2026
Pimento
Ministério realizou pagamentos de 1,4 mil milhões de euros aos sectores agroflorestal e das pescas em 2023
2
Apresentação de resultados do ensaio de rega gota-a-gota em arroz a 12 de Janeiro

Notícias relacionadas

Portugal Fresh
Portugal Fresh elege órgãos sociais para o triénio 2024-2026
A Portugal Fresh – Associação para a Promoção das Frutas, Legumes e Flores de...
Pimento
Ministério realizou pagamentos de 1,4 mil milhões de euros aos sectores agroflorestal e das pescas em 2023
Em 2023, os pagamentos aos sectores agroflorestal e das pescas efectuados pelo...
2
Apresentação de resultados do ensaio de rega gota-a-gota em arroz a 12 de Janeiro
A 12 de Janeiro, em Salvaterra de Magos, terá lugar a apresentação dos resultados...
Sogrape Sustentabilidade
Sogrape certificada pelo Referencial Nacional de Sustentabilidade do Sector Vitivinícola
A empresa portuguesa de vinhos Sogrape obteve a certificação pelo “Referencial...