DS Smith apresenta centro global de investigação, desenvolvimento e inovação

A DS Smith, empresa de soluções de packaging sustentável à base de fibra de papel, com operações de reciclagem e produção de papel, apresentou recentemente o seu Centro Global de Investigação e Desenvolvimento (I&D) e Inovação, designado como “R8” e situado perto de Birmingham, no Reino Unido. Segundo a DS Smith, as instalações do Centro incluem «uma sala piloto de 4.000 metros quadrados, quatro laboratórios, câmaras de condicionamento, um estúdio de ideação e desenvolvimento, áreas de prototipagem e espaços de colaboração» e ainda «tecnologias de ponta» como «uma linha piloto modular, inspirada na indústria automóvel e desenvolvida em Itália, que utiliza robôs para fabricar caixas a partir de múltiplos componentes e enchê-las a alta velocidade».

Em comunicado, a empresa, que opera em 34 países, explica que, «além de ser a sede das equipas de Inovação e I&D do Grupo DS Smith, o centro destina-se a liderar a investigação aplicada ao sector, maximizando a procura crescente de embalagens sustentáveis e a inovação necessária para as produzir». É também referido que, «com o “R8”, a DS Smith criou um espaço de colaboração que permite cobrir um amplo leque da inovação sob o mesmo tecto: desde o desenvolvimento inicial de tecnologia e materiais, o desenvolvimento de conceitos, os testes e o desenvolvimento de produtos, até à criação de protótipos e pilotos para os clientes».

«Os projectos terão como base os principais impulsionadores da indústria: a sustentabilidade, a optimização das cadeias de fornecimento e o uso de dados», indica a empresa, elencando outros «projectos de exploração» do “R8”: «as embalagens inteligentes para rastreio e monitorização da cadeia de fornecimento, os recursos naturais alternativos no fabrico de papel, as embalagens e tecnologias reutilizáveis à base de fibra e a tecnologia de barreira avançada para aplicações alimentares e industriais». A DS Smith, que tem sede em Londres, diz que «o “R8” é um centro pioneiro na indústria» e que este lhe permite, «assim como aos seus clientes e parceiros, acelerar a investigação e o desenvolvimento de soluções de embalagem radicalmente inovadoras».

Também se salienta que «as instalações do “R8” são neutras em carbono» – «em linha com o compromisso da estratégia Now & Next e da DS Smith para com a economia circular», realça o comunicado – tendo sido «concebidas tanto para a reutilização como para a desconstrução» e utilizando «mobiliário recondicionado, painéis solares e bombas de calor aerotérmicas». A propósito da criação do “R8”, a empresa realça ainda que «as principais marcas e fabricantes poderão estabelecer parcerias para trabalharem em conjunto rumo a um futuro mais sustentável».

De acordo com o Managing Director da DS Smith Ibéria, «os nossos clientes são marcas reconhecidas de produtos de Grande Consumo (FMCG), retalhistas online e players da indústria, pelo que a inovação e a sustentabilidade ocupam um lugar de destaque na sua agenda», sendo que «o nosso Centro Global de I&D e Inovação no Reino Unido facilitará a colaboração que sabemos ser necessária para resolver alguns dos maiores desafios da indústria». O Managing Director da DS Smith Ibéria assinala também que o “R8” «permitirá oferecer ao mercado português soluções de packaging inovadoras, que incorporam novos materiais e tecnologias, apoiando os nossos clientes na sua transição para a economia circular». Ignacio Montfort comenta ainda que «acreditamos na colaboração com os clientes e com a indústria em geral para criar produtos e serviços que reduzam os resíduos e optimizem a produção de uma forma sustentável». «No centro da abordagem da DS Smith, tal como se reflecte na nossa estratégia de sustentabilidade Now & Next, encontram-se um forte compromisso com a redução dos plásticos, a criação de novas vias para desenvolver fibras alternativas e a eliminação total dos resíduos», conclui o Managing Director da DS Smith Ibéria.

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Email

Notícias Recentes

José Manuel Fernandes
José Manuel Fernandes é ministro da Agricultura e Pesca do XXIV Governo Constitucional
3b
Santarém recebe III Colóquio sobre o Uso Sustentável dos Pesticidas a 24 de Maio
Alqueva
EDIA disponibiliza Anuário Agrícola de Alqueva de 2023

Notícias relacionadas

José Manuel Fernandes
José Manuel Fernandes é ministro da Agricultura e Pesca do XXIV Governo Constitucional
O até agora eurodeputado José Manuel Ferreira Fernandes é o nome proposto para...
3b
Santarém recebe III Colóquio sobre o Uso Sustentável dos Pesticidas a 24 de Maio
A Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Santarém (ESAS) vai ser...
Alqueva
EDIA disponibiliza Anuário Agrícola de Alqueva de 2023
A Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas de Alqueva (EDIA) disponibilizou...
4a
Grow Field Days promove visitas de campo com foco no microbioma do solo
No âmbito da iniciativa “Grow Field Days”, com o mote “De agricultor para agricultor!”,...