“A IGP será o factor diferenciador para se vender”

A actual campanha é marcada por uma queda na produção de entre 15 a 20%, a que se junta uma redução do consumo, num contexto de inflação e de aumento de custos. Em entrevista, José Oliveira, presidente de AlgarOrange – Associação de Operadores de Citrinos do Algarve, fala ainda sobre a Indicação Geográfica Protegida (IGP) “Citrinos do Algarve”, sobre a dificuldade de valorizar a fruta e sobre outros desafios que o sector enfrenta.

Consulte aqui a entrevista completa!

Notícias relacionadas




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




















Newsletter

* campo obrigatório
Ao clicar em "Subscrever" está a concordar que Leu e Aceitou a nossa Política de Privacidade



Fotogaleria