Mercadona_Espinho

Mercadona abre hoje o supermercado de Espinho

A Mercadona abre hoje o novo supermercado em Espinho, na Rua 19, junto à rotunda de acesso à A29. Esta nova loja possibilitou a criação de cerca de 65 postos de trabalho e para este novo espaço a Mercadona procurou criar uma loja «impactante e icónica para a cidade com características únicas». Assim, a fachada deste supermercado possui perfis verticais metálicos cuja disposição «cria dinamismo ao edifício, conferindo-lhe um carácter inovador e distinto», explicam.

Este supermercado tem uma área de vendas de 1.900 m 2, dispondo das secções de Charcutaria, Peixaria, Pastelaria e Padaria, Perfumaria, Talho, Frutas e Legumes e Pronto a Comer, com 41 pratos diferentes. Todas estas opções são servidas em embalagens fabricadas com materiais naturais, como a cana de açúcar (material compostável), cartão ou papel. De referir ainda que este espaço foi concebido segundo o Modelo de Loja Eficiente da Mercadona. O conceito de Loja 6.25 está já implementado neste novo supermercado e pretende transmitir aos clientes e colaboradores as ações que estão a ser levadas a cabo em relação à redução de plásticos e à gestão de resíduos, permitindo deste modo ouvir os comentários dos clientes no terreno. Este conceito está inserido na Estratégia 6.25 da empresa que tem o triplo objectivo de, até 2025, reduzir 25% do plástico, tornar todas as embalagens de plástico recicláveis e reciclar todos os resíduos de plástico gerados nas suas instalações.

No âmbito da Política de Responsabilidade Social da empresa, este novo supermercado doará diariamente, desde o primeiro dia, bens de primeira necessidade à Cantina Social da Paróquia de Espinho, que funciona há mais de 30 anos e cuja missão se tornou ainda mais relevante com o início da pandemia, com os pedidos de ajuda a aumentar por parte das famílias. Esta Cantina Social distribui refeições a 75 pessoas diariamente, 365 dias por ano, que se complementa ainda com a entrega regular de cabazes alimentares a cerca de 70 famílias.

Executivos da Câmara Municipal de Espinho e da União de Freguesias de Anta e Guetim na abertura da Mercadona de Espinho

O presidente da Câmara Municipal de Espinho, Pinto Moreira, afirma: «A abertura da Mercadona em Espinho constitui uma mais-valia para a economia local. É um investimento que gera emprego, cria mais competitividade e mais oferta comercial. Qualifica o acesso nascente à cidade e é mais um factor de atracção a Espinho. O edifício Mercadona é diferenciador do ponto de vista arquitectónico e está implantado num local estratégico do concelho, cumprindo todos os requisitos de mobilidade e de segurança exigidos por lei e pelos regulamentos municipais para este tipo de equipamentos. Sejam bem-vindos a Espinho e votos de sucesso para a nova loja Mercadona e para todos os seus colaboradores».

Já Inês Santos, directora regional de Relações Externas da Mercadona, salienta: «Estamos muito satisfeitos com a abertura desta loja em Espinho, numa localização estratégica de “porta de entrada” na cidade. É um importante local de passagem de espinhenses mas também de fácil acesso aos visitantes da cidade, sendo Espinho um município com grande dinâmica de atracção e turismo. Acreditamos que este investimento contribuirá para o desenvolvimento do concelho e será uma mais-valia para quem procura um supermercado que ofereça grande qualidade e produtos diferenciadores».

A empresa prevê abrir ainda durante este ano, seis novos supermercados de acordo com o seu plano de expansão, estando a próxima abertura prevista para o dia 12 de Agosto em Vila Nova de Famalicão (Rua António Ferreira Magalhães, nº 438).

Notícias relacionadas




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Fotogaleria