Sem título

OPINIÃO: Sector do vinho contesta a proibição de venda de bebidas alcoólicas

Desde Setembro passado que o Governo alargou a todo o País a proibição de venda de bebidas alcoólicas após as 20 horas, nos estabelecimentos de comércio a retalho, incluindo supermercados e hipermercados.
Esta medida está a causar um enorme prejuízo ao sector vitivinícola, uma fileira que impulsiona a economia nacional e contribui para a manutenção das comunidades rurais e o ordenamento do território, para além de levar bem longe o nome de Portugal.
Os produtores mais pequenos, que estruturam o grosso do tecido empresarial vitivinícola, dependem em absoluto das vendas para os restaurantes e para as garrafeiras especializadas. Estão sem chão desde Março.

Consulte o PDF do artigo aqui!

Notícias relacionadas




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Fotogaleria