IMG_1756a

VI reunião do Grupo de acompanhamento do abastecimento de bens

Decorre hoje, 8 de Abril, pelas 15h00, a sexta reunião do “Grupo de acompanhamento e avaliação das condições de abastecimento de bens nos sectores agroalimentar e do retalho em virtude das dinâmicas de mercado determinadas pela Covid-19”. A reunião decorre por videoconferência e nela vão participar, a partir do Salão Nobre do Ministério da Economia, em Lisboa, o ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, Pedro Siza Vieira, a ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, e o secretário de Estado do Comércio, Serviços e Defesa do Consumidor, João Torres.

Segundo o Ministério da Agricultura, «este grupo de trabalho tem avaliado e acompanhado as condições de abastecimento de bens nos sectores agroalimentar e do retalho, em estreita articulação e coordenação entre os sectores público e privado, o que permite afirmar que, até ao momento, não se verifica qualquer risco de ruptura de stocks no País». Este grupo de trabalho envolve várias entidades:

– Direcção-Geral das Actividades Económicas (DGAE);

– Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE);

– Gabinete de Planeamento, Políticas e Administração Geral da Agricultura (GPP);

– Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV);

– Associação dos Distribuidores de Produtos Alimentares (Adipa);

– Associação Nacional das Transportadoras Portuguesas (ANTP);

– Associação Nacional de Transportadores Públicos Rodoviários de Mercadorias (Antram);

– Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED);

– Casa do Azeite – Associação do Azeite de Portugal;

– Federação das Indústrias Portuguesas Agroalimentares (FIPA);

– Federação Nacional das Cooperativas de Produtores de Leite (Fenalac);

– Federação Nacional das Organizações de Produtores de Frutas e Hortícolas (FNOP);

– Federação Portuguesa das Associações Avícolas (Fepasa);

– Federação Portuguesa de Associações de Suinicultores (FPAS).

Além destes membros, explica o comunicado do Ministério da Agricultura, juntaram-se posteriormente às reuniões a Associação Portuguesa de Industriais de Carnes (APIC), a Docapesca – Portos e Lotas e a Fileira do Pescado. Está ainda prevista a participação da Sociedade Instaladora de Mercados Abastecedores (Simab), «que envia relatórios diários de situação», e da Associação Nacional de Armazenistas, Comerciantes e Importadores de Cereais e Oleaginosas (Acico).

Notícias relacionadas




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Fotogaleria