David Cuenca1

David Cuenca vai ser o novo presidente da CHEP Europe

A partir de 1 de Julho de 2020, David Cuenca vai assumir o cargo de presidente da CHEP Europe. Até agora, David Cuenca era o responsável pelo negócio da empresa de soluções para a cadeia de abastecimento CHEP na América Latina.

Em comunicado, a empresa indica que esta transição de liderança para as suas operações comerciais na Europa surge no sequência da saída do actual presidente da CHEP Europe, Michael Pooley, após uma carreira de mais de 17 anos na empresa. David Cuenca trabalha na Brambles, empresa proprietária da CHEP, desde 2000 e, nos últimos anos, ocupou vários cargos de liderança, como country general manager da CHEP Central Europe, vice president e country general manager na CHEP Spain e Portugal e ainda vice president da CHEP Southern Europe.

«Vai ser um privilégio e uma honra liderar um grupo de colaboradores tão talentosos, à medida que nos focamos em ajudar os nossos clientes a desenvolverem rapidamente cadeias de abastecimento. Possuímos um portefólio forte de produtos e serviços e trabalhamos com clientes e parceiros de topo em todos os mercados. Alicerçados nisto, em conjunto, conduziremos, com sucesso, a CHEP Europe para o futuro», afirma o gestor, sublinhando que é com «enorme satisfação» que regressa à CHEP Europe». David Cuenca é natural de Barcelona, em Espanha, e é formado em Administração de Empresas, tendo também concluído o General Management Programme da IESE Business School.

O CEO da Brambles, Graham Chipchase, refere que, «desde Julho de 2018, David tem demonstrado um trabalho magnífico à frente da equipa latino-americana – tendo enfrentado um período de mudanças comerciais e culturais muito significativas» –, que «conseguiu fortalecer o relacionamento com os clientes e inspirar e equipar a região com os recursos necessários» e que «tanto os seus colegas quanto os nossos clientes na América Latina e na Europa têm-no em grande consideração». Relativamente à saída do actual presidente da CHEP Europe, Graham Chipchase diz que, «durante os cinco anos como presidente da CHEP EMEA e presidente da CHEP Europe, Mike liderou a região numa fase de forte crescimento e expansão», que «criou uma cultura diversificada e baseada em valores», que se concentrou «no desenvolvimento das pessoas a todos os níveis» e que «deixa um grande legado na Brambles».

Notícias relacionadas




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *