vinhos

Programa de Sustentabilidade dos Vinhos do Alentejo vence Concurso Europeu de Inovação Rural 2019

A Comissão Vitivinícola Regional Alentejana (CVRA) acaba de ver premiado o seu Programa de Sustentabilidade com o título de Embaixador Europeu de Inovação Rural de 2019 pela LIAISON. O programa Parceria Europeia de Inovação para a Produtividade Agrícola e Sustentabilidade lançado em 2012, pela Comissão Europeia, promove os melhores projectos europeus ao nível da inovação na agricultura, silvicultura em áreas rurais.

O concurso recebeu mais de 200 inscrições de 13 países. Consideraram, pelo «carácter inovador e inspirador do PSVA», um dos melhores exemplos de «trabalho em conjunto» em prol da inovação de toda a Europa. A cerimónia de entrega de prémios vai ter lugar em Bruxelas, no dia 3 de Dezembro.

«Em Portugal, a CVRA foi pioneira no desenvolvimento e implementação de um programa de sustentabilidade, de adesão voluntária, capaz de olhar para a problemática de forma integrada e por forma a responder a diferentes motivações. Lançado em 2014, o PSVA seguiu uma prática já estabelecida em diversas regiões vitivinícolas mundiais, tendo vindo a ganhar importância em mercados nos quais os vinhos do Alentejo ganham posição», afirmou João Luís Barroso, gestor do PSVA.

«Ver o nosso trabalho e esforço reconhecidos dentro de um mercado altamente competitivo é sempre um motivo de orgulho. Como projecto vencedor, esperamos ser um exemplo a nível nacional e internacional, e que possamos levar mais longe a nossa iniciativa», acrescentou o mesmo responsável.

O PSVA é uma iniciativa pioneira em Portugal, de adesão voluntária, liderado pela Comissão Vitivinícola Regional Alentejana (CVRA) e dirigida a produtores de uva e de vinho da Região Vitivinícola do Alentejo. Dada a dependência total dos recursos naturais, o objectivo do PSVA prende-se com a protecção e valorização destes activos naturais através de práticas sustentáveis nas vinhas e adegas, com redução de custos e desperdícios, protecção do meio ambiente e melhoria do bem-estar da sociedade em geral.

O programa conta, neste momento, com 382 membros, que corresponde a uma área de 8.266 hectares.

Notícias relacionadas




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *