Framboesas

Visita técnica dedicada à produção e transformação de pequenos frutos

Realiza-se a 20 de Setembro uma visita de campo gratuita a plantações e a empresas de transformação de pequenos frutos. Designada “Da produção à transformação”, esta acção é promovida pela Câmara Municipal de Vagos, em colaboração com a AGIM – Associação Para os Pequenos Frutos e Inovação Empresarial.

Em comunicado, a organização explica que a iniciativa tem como objectivo «observar as técnicas de produção de dois pequenos frutos, nomeadamente a framboesa e a amora, bem como a fase da transformação do fruto para fins alimentares». Esta visita técnica é direccionada «aos produtores de pequenos frutos do concelho de Vagos, já instalados ou que pretendam vir a instalar-se no concelho», e «surge na sequência do crescente número de explorações de pequenos frutos verificado no concelho, bem como no aumento de potenciais interessados em dedicarem-se a estas culturas». Neste contexto, a autarquia «pretende organizar diversas iniciativas que promovam o conhecimento técnico na área dos pequenos frutos», como esta visita.

Os participantes vão visitar uma exploração de amoras – em Alvaiázere – e uma de framboesas – em Leiria. A exploração de amoras tem 1,5 hectares (ha) e quatro variedades, sendo que «o produtor já exporta quase a totalidade da sua produção através de empresas comercializadoras». Com 1 ha e duas variedades, a exploração de framboesa tem produção «inteiramente em modo biológico» e aqui os visitantes poderão observar «os métodos e técnicas de produção de framboesa em modo biológico, bem como a colheita e embalamento de framboesa».

O programa contempla ainda uma visita ao Tagus Valley – Parque Tecnológico do Vale do Tejo, em Abrantes, para a vertente da transformação do fruto. Neste espaço, «os interessados poderão ficar a saber um pouco mais sobre a etapa da transformação dos produtos agroalimentares e de todas as potencialidades que o fruto pode oferecer».

As inscrições podem ser efectuadas até 13 de Setembro. Pode consultar o programa aqui.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *