psila africana

Nova actualização da zona demarcada da Trioza erytreae

A DGAV atualizou o mapa, bem como a lista de freguesias que integram total ou parcialmente a zona demarcada respeitante a Trioza erytreae, incluindo agora no concelho de Caminha as freguesias Arga (Baixo, Cima, São João); na Figueira da Foz: Ferreira-a-Nova e Moinhos da Gandara; Brasfemes, em Coimbra e no concelho de Oeiras estão limitadas as freguesias de Oeiras, S. Julião da Barra, Paço de Arcos e Caxias.

O insecto Trioza erytreae, também designado como psila africana dos citrinos, é vector da bactéria Candidatus Liberibacter africanus, que causa a doença Huanglongbing (conhecida igualmente como Citrus greening).

Trioza erytreae também pode causar estragos directos graves em citrinos e em outros hospedeiros.

Mais informações, aqui.

 

Notícias relacionadas




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *