Corteva

UE aprova substância activa Rinskor Active, da Corteva Agriscience

A substância activa Rinskor Active (florpirauxifen-benzilo), da Corteva Agriscience, recebeu a aprovação da União Europeia, com entrada em vigor a 24 de Julho de 2019. Segundo a empresa, esta nova molécula «constitui um modo de actuação alternativo para o controlo das ervas daninhas do arroz, que, juntamente com o seu perfil ambiental e toxicológico favorável, ajudará os agricultores a produzir de forma mais eficiente e respeitadora do ambiente» e «melhorará o rendimento e a qualidade das culturas».

A autorização foi publicada formalmente na edição de 4 de Julho de 2019 do Jornal Oficial da União Europeia, de acordo com o Regulamento de Execução (UE) 2019/1138 da Comissão, de 3 de Julho de 2019. A Corteva Agriscience explica que o Rinskor Active «é um novo herbicida de arroz, para o controlo eficaz de um amplo espectro de ervas daninhas, incluindo o controlo de espécies resistentes a outros modos de actuação» e que «apresenta um perfil ecotoxicológico e ambiental favorável, em consonância com as normas da sociedade da União Europeia relativamente aos produtos para a protecção de culturas».

A empresa sublinha que a substância activa já foi autorizada, por exemplo, na China, nos Estados Unidos e no Brasil. Refere ainda que o Rinskor Active «foi galardoado com o Green Chemistry Challenge Award, da Sociedade Americana de Química, e também com o AGROW Award, na categoria de melhor produto novo de protecção de culturas».

Notícias relacionadas




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *