Epitrix cucumeris

DGAV publica 12.ª actualização da zona demarcada de Epitrix em Portugal

A Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV) procedeu à 12.ª actualização da zona demarcada de Epitrix da batateira em Portugal, na sequência dos resultados já disponíveis da prospecção anual levada a cabo no território nacional. Segundo o ofício circular n.º 19/2019, a actualização resulta da presença das espécies Epitrix cucumeris e Epitrix papa nas freguesias de Alcoutim e Pereiro, Castro Marim, Conceição e Cabanas de Tavira, Odeceixe e Silves, e de Epitrix papa nas freguesias de Santa Catarina da Fonte do Bispo e Vila Nova de Cacela, localizadas na região do Algarve, e nos concelhos de Ribeira Brava, Câmara de Lobos e Funchal, situadas na Ilha da Madeira.

Pode consultar o mapa actualizado aqui e o ofício aqui. A DGAV indica que esta actualização tem implicações imediatas nos movimentos de batata para fora das novas zonas demarcadas com destino a zonas isentas do insecto, aplicando-se as medidas de emergência fitossanitárias da legislação em vigor.

Os trabalhos de prospecção destes organismos em Portugal relativos a 2019 ainda estão a decorrer. Recorde-se que a prospecção é efectuada no âmbito das medidas de emergência, definidas pela Comissão Europeia, contra a introdução e a propagação na União Europeia de Epitrix cucumeris, Epitrix papa, Epitrix subcrinita e Epitrix tuberis. A detecção em Alter do Chão é resultado dos dados do corrente ano já disponíveis. A prospecção começou a ser efectuada anualmente em Portugal desde a detecção de Epitrix cucumeris e Epitrix papa no território nacional.

Notícias relacionadas




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *