Fotografia de Ana Oliveira

Acordo UE-Mercosul abre mercados a exportações agrícolas portuguesas

O acordo de livre comércio UE-Mercosul é «globalmente positivo» para a agricultura e abre mercados a uma maior exportação portuguesa de vinhos, azeite e frutas, disse hoje, dia 15 de Julho, o ministro da tutela, Capoulas Santos, citado pela agência Lusa.

Em declarações aos jornalistas, à margem da reunião dos ministros da Agricultura da União Europeia (UE), o ministro salientou que o «acordo permitirá exportar mais e com mais vantagens para os produtores e exportadores portugueses».

«Globalmente, para a agricultura, o acordo é positivo, uma vez que são mais os sectores que tiram vantagens do que aqueles que podem sofrer algumas consequências e mesmo nesses há períodos de salvaguarda que dão alguma tranquilidade», referiu ainda o ministro.

Luís Capoulas Santos adiantou também que Portugal está «crescentemente a exportar para um mercado tão amplo como o do Brasil e outros países que constituem o Mercosul».

O acordo de livre comércio alcançado em 28 de Junho entre a UE e a Mercado Comum do Sul (Mercosul) é um dos temas que hoje domina a reunião dos ministros da Agricultura do bloco europeu.

 

Notícias relacionadas




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Fotogaleria