visita-cap-bloco-logistico-ciempozuelos-mercadona

CAP visitou infra-estruturas da Mercadona em Madrid

A 25 de Setembro, uma representação da Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP) visitou as instalações da Mercadona em Madrid, nomeadamente o Bloco Logístico Século XXI, em Ciempozuelos, e um supermercado desta cadeia, onde está implementado o “Novo modelo de loja eficiente”. A representação da CAP foi composta por Eduardo Oliveira e Sousa, presidente, Luís Mira, secretário-geral, e Cláudia Almeida, do Departamento Técnico.

O objectivo desta visita – realizada a convite da Mercadona – foi «dar a conhecer à CAP dois projectos da Mercadona que representam um grande avanço em termos de inovação e eficiência». Segundo a Mercadona, o Bloco Logístico Século XXI «é a primeira plataforma totalmente automática, dotada da mais avançada tecnologia, e que conseguiu algo que, até então, parecia impossível: realizar todas as tarefas que exigem esforço físico de forma mecânica, dignificando os postos de trabalho, sem perder eficiência nem garantias de serviço».

Por sua vez, o “Novo modelo de loja eficiente” visa «melhorar e optimizar o tempo de compra», indica a Mercadona, e vai ser implementado em Portugal, nas oito a dez lojas que a empresa de distribuição vai inaugurar no Norte do País no segundo semestre de 2019. A Mercadona explica que «este novo formato de supermercado permite também uma poupança energética de até 40% face a uma loja tradicional, devido a melhorias como o isolamento térmico e acústico, através da optimização dos materiais e da espessura das paredes e tectos, assim como novas arcas congeladoras, mais eficientes em termos energéticos e amigas do ambiente».

A propósito desta visita, o presidente da CAP assinalou «a proximidade entre quem vende e quem produz, assente numa relação de confiança e transparência, introduzindo nesta ligação uma forte componente tecnológica», acrescentando que «nota-se uma vontade de construir um relacionamento duradouro que está na base de que um negócio que, para ser bom, tem que ser bom para todas as partes envolvidas». Elena Aldana, directora de Relações Externas da empresa em Portugal, afirmou que «é com muita satisfação que a Mercadona recebe nas suas instalações uma instituição com o reconhecimento da CAP, que tanto tem feito pelo sector agrícola em Portugal». «A Mercadona tem entre os seus pilares fundamentais a defesa e desenvolvimento de uma cadeia agro-alimentar sustentável, na qual todas as partes trabalham de forma conjunta, eficiente e com uma visão a longo prazo, focada na satisfação do Chefe (como nós denominamos o cliente)», concluiu Elena Aldana.

Mercadona2




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *