mozambique-80752_640

Jovens agricultores portugueses querem apostar em Moçambique

Consolidar a aposta em Moçambique, para que o país africano se desenvolva no sector agrícola, através de parcerias com os agricultores moçambicanos. É este o objectivo transmitido esta semana pela Associação dos Jovens Agricultores de Portugal durante o “Fórum Qualidade e Competitividade Agro-Alimentar”.

«A cooperação abre um campo em que é possível trazer mais tecnologia, promover mais formação profissional na agricultura e mais assistência técnica», afirmou Firmino Cordeiro, director-geral da AJAP, citado pela Lusa.

Portugal registou avanços no sector agrícola que podem ser colocados ao serviço de Moçambique, através de plataformas de cooperação eficazes. Além disso, a vocação da agricultura portuguesa para a exportação e os avanços na protecção da saúde animal e vegetal também são mais-valias que podem ser capitalizadas nas parcerias com os agricultores moçambicanos, assinalou o mesmo responsável.

Firmino Cordeiro realçou que Moçambique terá de vencer obstáculos como as taxas de juro e a lentidão na burocracia, para se tornar mais atractivo ao investimento externo na agricultura.

Notícias relacionadas




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *