4f9a2615

«Conhecimento, investimento e tecnologia são essenciais para a agricultura»

Foram estes os três pontos-chave que Luís Medeiros Vieira, secretário de Estado da Agricultura e Alimentação, identificou como «essenciais» para o sucesso da actividade agrícola em Portugal. As declarações foram feitas no âmbito da 2.ª McDonald’s Business Initiative for Agriculture (MBIA), a 25 de Outubro, em Lisboa.

Luís Medeiros Vieira partilhou o palco com João Cortez de Lobão, produtor de azeite da Herdade Maria da Guarda, Francisco Gomes da Silva, professor do Instituto Superior de Agronomia, e Luís Mira, presidente da Inovisa, para falar da importância da tecnologia e inovação no sector.

João Cortez de Lobão, empresário de Serpa, salientou a importância da tecnologia na actividade diária na sua exploração e sublinhou que a «mecanização não significa despedimentos». Pelo contrário, a actividade começou com 400 árvores e dois trabalhadores e hoje tem 1.100.000 oliveiras e mais de 30. Além disso, o empresário contou que está a implementar a utilização de uma aplicação pelos seus colaboradores para agilizar os processos dentro da exploração.

No que respeita à transferência de conhecimento entre as universidades e as empresas,  Francisco Gomes da Silva lembrou que «relação entre instituições e empresas é melhor que no passado, mas não é muito intensa».

Por seu turno, Luís Mira da Silva recordou que parte trabalho da Inovisa é agilizar esse contacto entre empresas do sector agrícolas e as universidades. O responsável salientou a importância da inovação cruzada, onde vários sectores trabalham para encontrar soluções em conjunto.

Durante a MBIA, quatro pequenas empresas do sector, a Casa de Penalva, a Open PD, a Terra Pro e a Trigger.Systems, apresentaram os seus projectos à audiência.

Na foto, da esquerda para a direita: Luís Mira, presidente da Inovisa, Francisco Gomes da Silva, docente do ISA e coordenador técnico-científico da Agro.Ges, Jorge Portugal, director geral da Cotec, Luís Medeiros Vieira, secretário de Estado da Agricultura e Alimentação, e João Cortez de Lobão, da Herdade Maria da Guarda (Imagem: McDonald’s)




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *