maçã_alcobaça IGP

40.000 toneladas de Maçã de Alcobaça em 2016

A produção da Maçã de Alcobaça deverá pautar-se este ano por volumes inferiores face à campanha de 2015, de «aproximadamente 30% para as variedades vermelhas e de cerca de 20% nas outras variedades», refere a Associação de Produtores de Maçã de Alcobaça (APMA) num comunicado de 6 de Setembro. Esta entidade representa 19 membros associados, organizações de produtores e agrupamentos de produtores, que nesta campanha «preveem produzir 40 milhões de quilos, correspondendo a aproximadamente 300 milhões de maçã qualificadas».

A APMA, entidade gestora da Indicação Geográfica Protegida (IGP) “Maçã de Alcobaça”, salienta, contudo, que a produção «prima pela qualidade e pelo sabor». A diminuição de quantidades é resultado das «alterações climatéricas que se fizeram sentir ao longo do ciclo produtivo», mas «os fruticultores estão optimistas com a qualidade». A colheita começou oficialmente na semana 36 (de 28 de Agosto a 3 de Setembro), um atraso de quase três semanas face à campanha anterior, mas a maçã «atingiu assim o seu máximo de qualidade e sabor», tendo-se verificado «os critérios de qualidade pré-definidos para o bom processo de conservação, certificação e comercialização».

A fruta começa assim a chegar ao mercado, garante a APMA. «Apesar da inédita quebra de produção, principalmente nas variedades mais exportáveis, os produtores em plenário decidiram que os consumidores portugueses não iriam sentir dificuldades acrescidas para encontrar no seu ponto de venda habitual, acordando formas associadas de satisfazer as necessidades e pedidos dos clientes habituais, em desfavor da exportação.»




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *



























Newsletter

* campo obrigatório
Ao clicar em "Subscrever" está a concordar que Leu e Aceitou a nossa Política de Privacidade



Fotogaleria