MaçãQuinta dos Lamaçais 013

Maçãs portuguesas já podem ser exportadas para a Nicarágua

Está concluído o processo negocial que permitirá aos produtores portugueses darem início à exportação de maçãs para a Nicarágua, anunciou hoje o Ministério da Agricultura.

Trata-se de um mercado com cerca de seis milhões de consumidores, a somar à Guatemala e ao Peru, outros dois mercados da América Central já abertos à exportação de maçã nacional este ano pelo Governo.

Luís Vieira, secretário de Estado da Agricultura e Alimentação sublinha que «está a ser feita uma aposta forte na América Central e do Sul para um determinado conjunto de produtos, designadamente do sector frutícola, aposta essa que tem dado excelentes resultados para a maçã e para a pêra Rocha, produtos que existem em quantidade e com as qualidades que permitem apostar nesta região».

Por outro lado, Luís Vieira acrescenta: «O Médio Oriente é outra região em que estamos bastante empenhados e que tem excelentes resultados económicos, especialmente no sector pecuário».

Desde que entrou em funções, este Governo já abriu 35 mercados para 105 produtos (71 de origem animal e 34 de origem vegetal) e está a trabalhar na abertura de outros 49, para viabilização da exportação de 192 produtos, sendo 136 da área animal e 56 da área vegetal.

Notícias relacionadas




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *