IMG_7911

Empresas de pêra Rocha investem na investigação pós-colheita

O Instituto Superior de Agronomia (ISA) criou recentemente o Freshness Lab, uma nova unidade de investigação de translação especializada em frutas e legumes que inclui alguns recursos ou estruturas já existentes, mas agora totalmente focada na pós-colheita. A criação do Freshness Lab representou um investimento total de 600.00 euros, em equipamentos e instalações (nomeadamente um novo laboratório e instalações piloto para pós-colheita), suportado parcialmente pelas 14 empresas fundadoras da Unidade de Pós-colheita de pêra Rocha, em parte por empresas de tecnologia e em parte pelo ISA.

Esta unidade entrou em funcionamento em Julho e, devido a um acordo de parceria estabelecido pelo ISA com 14 empresas do sector da pêra Rocha, vai contar com uma Unidade de Pós-colheita de Pêra Rocha, que trabalhará com as valências do Freshness Lab. A unidade já está operacional – os ensaios estavam a ser instalados no fim de Agosto – e vai seguir um programa de trabalho específico, que incide sobre três vertentes. A primeira linha de trabalho é o desenvolvimento de recomendações para conservação de pêra Rocha na melhor qualidade possível até ao Verão sem agentes químicos. A segunda linha consiste na compreensão das características da pêra Rocha. A terceira vertente incide sobre os protocolos de amadurecimento desta pêra para satisfação do consumidor. Segundo comunicado do ISA, «os trabalhos já em curso permitirão ao sector reduzir perdas estimadas em cerca de 40 milhões de euros».

«O Freshness Lab dispõe da mais completa e sofisticada instalação em Portugal concebida especificamente para compreender a frescura, o sabor, o valor nutricional e a segurança de fruta e legumes», afirma o ISA em comunicado. «As instalações piloto do Freshness Lab permitem estudos de “último quilómetro” entre a prateleira e o local de consumo e apoio a todas as operações logísticas a montante, desde o campo à prateleira. A estas instalações estão associados modernos laboratórios para explorar os fundamentos do sabor, da frescura e do valor nutricional das frutas e legumes e sala de análise sensorial para estudar a percepção do consumidor.» Refere-se ainda que um objectivo central do Freshness Lab é «a aproximação ao consumidor e às suas necessidades de informação sobre a fruta e os legumes» e que esta unidade «potencia as competências do ISA na área do consumidor e da cadeia de abastecimento de fruta e legumes».




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Fotogaleria